domingo, 4 de dezembro de 2016

Por que a extrema-esquerda não atacou a mulher jovem de José de Abreu?

Luciano Ayan



Lemos na coluna de Mônica Bergamo que a cineasta Priscila Petit se separou do ator José de Abreu. O cuspidor petista disse: “Foi bom enquanto durou”.

Mas este não é o detalhe mais relevante da notícia, mas sim o fato de que Priscila Petit tem 40 anos, em comparação aos 70 de José de Abreu. Ademais, ela é uma bela mulher que estava casada com um sujeito endinheirado.

Vejamos:


Aliás, olhando para outra ex-mulher de José de Abreu, também vemos o mesmo padrão: uma jovem e bela mulher casada com um sujeito endinheirado, com idade para ser seu pai:


Quais padrões vemos aqui?
Simplesmente, os mesmos padrões mencionados pelos petistas para atacar Marcela Temer, esposa do presidente Temer.

Feministas pró-PT chegaram a adotar a narrativa do “retorno do primeirodamismo” e praticaram verdadeiro bullying contra Marcela, que fora rotulada de “bela, recatada e do lar”, de modo difamatório, cruel e perverso. Em suma, os petistas iniciaram campanha de ódio contra Marcela por pretextos feministas por ela seguir o mesmo padrão das duas últimas esposas do petista José de Abreu.

Todavia, nenhum ataque foi feito quanto às esposas de José de Abreu. Claro que ninguém deveria atacá-las mesmo. Esse não é o problema, além do fato de que o mais digno é deixar que cada um viva sua vida. A imoralidade doentia está no ataque petista à Marcela Temer. Isso só prova mais uma vez que o feminismo se tornou apenas um jogo para perpetrar discriminação com fins políticos.

Marcela foi atacada, enquanto Priscila e Camila nada sofreram, apenas porque a extrema-esquerda – que hoje coopta todo o feminismo brasileiro – entende que sua retórica faz parte de um jogo sujo e nada mais.
Título, Imagens e Texto: Luciano Ayan, Ceticismo Político, 4-12-2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-