quarta-feira, 25 de abril de 2018

[Pernoitar, visitar, comer e beber fora] Combinado Carioca

Chris Silveira

O Combinado Carioca está mudado, acredito que para melhor. A necessidade desta mudança foi devido a vários motivos: maior rapidez no atendimento e variedade no cardápio.

Fizemos uma pesquisa com os clientes do horário do almoço e a maioria avaliou a comida muito gostosa e de qualidade, porém, demora na saída dos pratos, e falta de variedade. Entendemos perfeitamente que esperar um prato dez, quinze ou vinte minutos é muito tempo para um executivo. Da mesma forma, são clientes que buscam alimentação saudável, colorida, variada, buscam novidades, e ao mesmo tempo uma comida caseira, simples, saborosa.

Então, em trinta dias planejamos e organizamos tudo, arquiteta, serralheiro, marceneiro, marmorista, metalúrgico, eletricista, bombeiro, enfim, equipe formada, liderada pela arquiteta Patricia Paixão. PATY foi maravilhosa, trabalhou nos projetos durante todo o carnaval, na quarta-feira de cinzas tudo entrou em execução.

Durante a semana santa fizemos a obra e começamos o nosso buffet a quilo no dia 2 de abril (de 2018). Os clientes adoraram, estão felizes e satisfeitos.

No sábado, 21 de abril, iniciamos um buffet liberado de feijoada, será assim também aos domingos e feriados.



Durante o inverno, às terças e quartas, faremos buffet liberado de sopas.

Nada melhor que uma crise como essa que estamos passando, principalmente no Rio de Janeiro, para nos tirar da zona de conforto e nos forçar a nos reinventarmos.

A crise nos ensinou a surfar, a entender o cliente, saber suas necessidades e a procurar saídas e soluções para as dificuldades e desafios diários.

Hoje posso afirmar que em plena crise, o Combinado recuperou os 70% do movimento de clientes perdido de 2015 para cá.

Temos agora mais um desafio, recuperar a queda do movimento da noite. Desde o assalto que sofremos em 1º março, devido à grande repercussão nos jornais, a queda brusca foi de 80%.  A recuperação completa, isso talvez somente quando tivermos policiamento ostensivo nas ruas da nossa cidade. Enquanto isso, é rezar, ter fé, e pedir proteção!
Texto: Chris Silveira, 23-4-2018
Facebook

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-