sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Cadê os protestos?


Relacionados:

Um comentário:

  1. A história se reescreve e não acreditamos na sua natureza cíclica. Acho que é a esperança de nos vermos tão revoltados, a ponto de quebrarmos as amarras ideológicas que nos prendem a uma cultura cristalizada. Mas, de novo, o barulho é grande e o arranque estanca. Pensamos que tiramos Collor, e elle continua lá, bem amoitado, só de boa. Ainda foi inocentado em todas as instâncias. Então, ele deveria ter o seu governo restituído? Não! Porque mexeu com os grandes tb. Fez uma bagunça na vida dos pobres e dos marajás. Incomodou as elites. Escândalos como os do Banestado(FHC), mensalão, Petrobrás não seriam razões para um novo 'impeachment'? Todo mundo pensa, não fala por conveniência. Por isso, a recapitulação: Prestes, no grande dia, só vê meia-dúzia de gatos pingados. É preso, qdo sai, sobe no palanque de Getúlio Vargas; a Guerrilha do Araguaia espera tomar as ruas com a população aderindo às manifestações campesinas, mas o povo fica em casa acompanhando o tri de Pelé...; agora, em 2014, queria que fosse diferente... Mas vocês estão vendo. Parece uma sina.

    ResponderExcluir

Desculpem o GRITO!
NÃO ACEITAMOS/NÃO PUBLICAMOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS!!


Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-