quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

A foto que acabou com o Estado de Direito no Brasil

Luciano Ayan

Marcus Vinicius Motta escreveu: “A direita devia aprender com a esquerda a fazer escândalo pelas mínimas coisas. Geralmente esperamos pelo absurdo, eles fabricam o absurdo.”

Sim, de fato, eles fabricaram um absurdo através do teatro e da encenação. Num grande palco propiciado pela Internet, petistas encenaram indignação com a foto de Aécio e Moro num evento. Detalhe: Moro não é juiz do caso Aécio, pois este só pode ser julgado pelo STF.

Todavia, devemos fazer o maior fuzuê com a foto deste post, que mostra Dilma Rousseff e Ricardo Lewandowski tomando champanhe juntos. Detalhe: por ter foro privilegiado, só ele podia julgar Dilma. E deu um golpe para ajudá-la a manter seus direitos políticos e poder fugir de Moro.


Esfregue isso na cara de petistas. Eles merecem.
Título, Imagem e Texto: Luciano Ayan, Ceticismo Político, 7-12-2016

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-