sábado, 25 de abril de 2020

Uber vai oferecer viagens gratuitas para pacientes curados do Coronavírus doarem plasma sanguíneo

Altair Alves

Uber anunciou nesta sexta-feira (24/04) uma parceria com o Hemorio, o hemocentro coordenador do Estado do Rio de Janeiro, para oferecer viagens gratuitas para que pessoas curadas do Coronavírus participem de pesquisa no combate à Covid-19 através da doação do plasma sanguíneo. O Hemorio desenvolve o estudo juntamente com os hospitais que estão tratando pacientes com casos graves da doença.

Foto: Divulgação/Governo do Estado RJ
A terapia consiste em retirar o chamado plasma convalescente do sangue e fazer uma transfusão em pacientes em estado grave para estimular o sistema imunológico e combater o coronavírus. Cada bolsa de plasma contendo anticorpos contra o vírus pode ser usada para até três pacientes infectados que estejam em estado grave. Essa técnica já foi utilizada ao longo da história na luta contra outros vírus, como o da gripe espanhola, ebola e H1N1.

Para participar da iniciativa, a pessoa deve estar no Rio de Janeiro, ter sido curada da Covid-19 há pelo menos 14 dias e estar bem de saúde. Para fazer a doação do plasma, deve-se agendar um dia e um horário com o Hemorio pelo telefone 0800 282 0708. Após o agendamento, o Hemorio fornecerá ao doador um código para que ele vá e volte do hemocentro de Uber. A ação terá duração de um mês e acontece até o dia 22 de maio.

Nessa semana, a Uber anunciou também viagens gratuita para quem puder doar sangue em ManausBelémNatalVitória Florianópolis. Desde o início do mês, a Uber tem dado apoio a bancos de sangue no Brasil com ações no Rio de JaneiroBelo Horizonte, FortalezaTeresinaPorto AlegreCuritibaMaringá Londrina. A orientação do Ministério da Saúde é que as doações de sangue devem continuar acontecendo durante a pandemia.

De acordo com CEO da Uber, Dara Khosrowshahi, a ideia da empresa é fornecer em todo o mundo, 10 milhões de viagens e entregas de alimentos gratuitas para profissionais de saúde, idosos e pessoas em necessidade durante a pandemia.
Título e Texto: Altair Alves, Diário do Rio, 24-4-2020

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-