sábado, 27 de abril de 2019

Trela ou não? Eis a questão!

Cláudia Estanislau

Andar de trela na rua, é uma questão que levanta muita polémica, no entanto, a Lei diz-nos que é obrigatório andar sempre com a trela colocada no cão quando circulamos num local público.

Se circula com o seu cão numa cidade ou num local onde possam estar outras pessoas, cães, carros, etc. então a presença da trela e coleira é obrigatória, sob pena de multa caso seja apanhado sem a mesma. Circular na via pública de trela é das poucas Leis que fazem sentido para a segurança de todos.

Ao manter o seu cão na trela, garante que sabe onde ele está e o controla de forma segura e eficaz. Não controlamos o ambiente, como tal, nunca controlamos totalmente o cão, isto é um facto. Se anda com o seu cão sem trela está a tomar por garantidas duas coisas muito complexas e variáveis e, como tal, completamente imprevisíveis: o ambiente e o comportamento do seu cão face ao mesmo.


Todos sabemos que exercício físico é algo que deve ser feito diariamente para o bem-estar dos nossos companheiros. Por vezes, deslocamo-nos a locais – parques, praias fora de época balnear, matos, serras, etc. – que apesar de públicos são mais adequados a que possamos soltar os nossos cães e estes possam correr em segurança.

Para quem vive em meio citadino, as deslocações a parques de cidade são frequentes, mas estes são usados por outras pessoas, ciclistas, corredores, crianças e também por outros cães.

O cenário mais comum é aquele em que um tutor passeia descansadamente o seu cão de trela no parque e se depara com um cão que corre solto na direção do seu. Usualmente, este cenário fica completo com o tutor desse cão a gritar algo como: “Não se preocupe ele é amigável” ou “Ele só quer brincar”.

Ora, o cão que está de trela, além de estar a obedecer à Lei, pode estar de trela por um outro motivo. Pode ser um cão medroso, pode ser um cão que não gosta do seu espaço pessoal invadido, que não gosta ou não quer brincar com outros cães, pode ter dores, pode ser um cão idoso e que só quer caminhar sossegado.

O cão “amigável” que corre desenfreadamente na direção de outro precisa de treino, pois este comportamento é má educação. Seria o equivalente humano de entrar num elevador com um estranho e este o começar a abraçar e a dar beijinhos, por mais “carinhoso” e “amigável” que essa pessoa seja, a probabilidade de você não gostar ou reagir mal é grande!

O mesmo é verdade no mundo dos cães. Se o seu cão corre em direção a outros cães e lhes salta para cima, está a ultrapassar os limites da boa educação canina e essa situação pode gerar muito problemas.

Nenhum cão é obrigado a brincar ou interagir com o seu, só porque ele é amigável ou só quer brincar. Se tem o seu cão solto e vê um cão de trela, prenda o seu imediatamente.

Se gosta de cães, não vai querer causar stress ou problemas ao outro cão, por isso pense também nisso. Não interessa se o seu cão é bem-disposto ou só quer brincar, nada disso influência o facto de que é você que está errado e, como tal, deve repensar as suas ações.

Um caso destes pode tornar-se um trauma para um cachorro e estragar para sempre relacionamentos com outros cães, tudo porque existem pessoas que acham que estão acima da Lei, ou que acham que o seu cão é melhor do que os outros ou que podem fazer algo que outros não podem.


Os locais públicos pertencem a todos, civismo é imperativo e a falta do mesmo tem repercussões péssimas em todos os sentidos. Cidadania, compreensão, educação, respeito e informação, abrirão um novo caminho para os nossos cães e para os amantes de cães.

Em cidades em que os cães podem circular em vários locais, como na Alemanha onde estive recentemente, os cães andam de trela e as Leis são cumpridas. Só assim, poderemos almejar mais e melhor para os nossos cães, se coletivamente entendermos o que podemos fazer melhor e diferente.

Reflita e pense antes de tirar a trela ao seu cão.
Título, Imagem e Texto: Cláudia Estanislau,Treinadora da It´s All About Dogs, Dogs Magazine, 11-3-2019

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-