domingo, 1 de março de 2020

Contos moucos loucos (XXXVIII) – A camiseta

Era quase meia-noite. Ela se sentia bem animada. Abriu a porta do quarto. Ele estava deitado, nu da cintura para baixo, somente com uma camiseta. Ela vociferou: “Tira essa merda!”


Anteriores:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-