sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Adeus Ano Velho... Feliz Ano Novo...

Almir Papalardo

O ano velho de 2010 que está se despedindo foi mais um que certamente não deixará saudades para aposentados e pensionistas. Vai embora levando mais lágrimas nossas. Foi sem dúvida um dos piores, um dos mais desgastantes, quando tripudiaram sobre os aposentados que ganham acima do salário mínimo, aplicando-lhes uma tortura psicológica, uma lavagem cerebral, considerado em qualquer outro país que tenha um pouquinho mais de justiça realmente voltada para o povo, principalmente para os mais idosos, como um crime passível de repúdio e punição.
Preconceito é crime, aqui, como em qualquer outro lugar! Não se oprimem cidadãos com idade avançada mesmo que ele agora desfrutando sua aposentadoria seja um cidadão oneroso para o governo, que  é obrigado, constitucionalmente, a sustentá-lo sem nada receber em troca. Havia um contrato assinado determinando esses preceitos.
Defender-se-ão os responsáveis pela degradação sistemática imposta aos segurados do RGPS, argumentando que é necessário segurar as aposentadorias acima do salário mínimo, para que o suposto déficit da Previdência não se agrave. Alardeiam que em 2010 o governo deu-lhes até um aumento real, o que não acontecia desde o primeiro mandato do governo anterior.
Mas um governo insensível que teve a coragem de tirar dos aposentados mais 42,75%, em vez de corrigir o que considerava errado na gestão anterior quando nos foi tirado 18,77%, convenhamos, um aumento real em oito anos de 1,58% (o governo afirma que foi 7,72%), é um aumento real bastante irrisório, mais parecendo um deboche, uma provocação, lembrando-nos a promessa do Lula feita nas campanhas que iria dar aos aposentados brasileiros uma aposentadoria igual a dos aposentados europeus!
Para o Ano Novo de 2011 já foi anunciado que o salário mínimo terá uma correção de 5,9%, correspondendo a um acréscimo de R$30,00 (?!), nada condizendo com o propalado salto de qualidade que o país deu na gestão do atual presidente. Se Lula fez coisas boas para os cidadãos mais necessitados conforme garganteiam seus aliados, certamente se esqueceu dos  aposentados, ou considera-os "marajás" porque recebem 03, 04 ou 05 salários mínimos.
A partir de 01.01.2011 o salário mínimo será de R$540,00. Como o  reajuste do aposentado é sempre inferior ao percentual dado ao salário mínimo, ficamos pessimistas na expectativa angustiante do que nos será reservado, porque todas as categorias têm seu poder de compra corrigido, ao contrário dos aposentados que não têm atualizações reais porque só lhes é dado o percentual da inflação. O que realmente torcemos é para que a diferença a menos no nosso percentual de aumento seja a menor possível paralelamente ao salário mínimo, porque quanto maior for a diferença, maior será a nossa defasagem acumulada, e menor o tempo para termos as aposentadorias reduzidas apenas a 01 salário mínimo.
Nós, aposentados, temos consciência que esse assunto já se tornou enfadonho pois sempre repetimos as mesmas queixas, o que deverá irritar bastante os insensatos que não dependem da aposentadoria para sobreviver. Somos teimosos sim e pedimos desculpas por isso, mas, sentimos aonde o sapato nos aperta, sendo os governantes deste país mais teimosos ainda, por insistirem nessa nociva política lesa-aposentados. Jamais calarão a boca dos aposentados!
Um Feliz Ano Novo para todos com paz, saúde e prosperidade.
Almir Papalardo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-