sábado, 3 de novembro de 2018

[Trincheira] Xéxeo no Estúdio i

Pedro Frederico Caldas

Neste mês que antecedeu as eleições passei a assistir com alguma frequência programas da Rede Globo e de sua afiliada, a Globo News. Há um programa de nome Estúdio i que tenho assistido. Nesse programa, como nos programas da Globo em geral, a madeira come solta em cima do pobre do Trump. Um dos mais bem-sucedidos governantes americanos, pelo menos até aqui, jamais é elogiado. É como se o homem fosse o "Cão de Segundo Livro". Parece que veio ao mundo, na visão dos jornalistas e dos entrevistados "bem escolhidos", só para fazer o mal.

Mas, por ora, deixemos Trump de lado que voltarei a comentar sobre ele, oportunamente. Hoje estava assistindo ao programa e o jornalista Artur Xexéo, esgrimindo com leveza as mãos e as palavras, após ouvir dos outros que Bolsonaro dissera que se cercaria de bons assessores para assuntos que não entende, concluiu com uma "boa vontade danada" que o menos qualificado da equipe de governo seria ele, Bolsonaro. Houve alguma perplexidade dos demais membros da bancada, inclusive da apresentadora Maria Beltrão.

É como se os outros dissessem: temos que ser mais sutis na crítica. O Artur Xexéo, parece uma pessoa boa, é todo uma tia velha que tenho. Por isso é conhecido aqui em casa como "Tia".

Essa observação agressiva do doce Xexéo me fez lembrar um episódio ocorrido numa entrevista coletiva do presidente Bush, pai. Lá para as tantas, um dos jornalistas desandou a fazer crítica às ações e à forma de governar do Bush, passando a impressão que o presidente era um despreparado.

Bush, com a fleuma que o caracterizava, olhou para o jornalista e indagou: "Se você se acha tão mais inteligente e preparado do que eu, por que eu sou o presidente dos Estados Unidos e você não é?".
Texto: Pedro Frederico Caldas, Aventura, EUA, 2-11-2018

Anterior:
[Trincheira] Apresentação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-