quinta-feira, 11 de junho de 2020

"A esquerda morre de medo da direita exibir faixas a favor da democracia", revela historiador


Wilson Oliveira

O historiador Hélio Augusto Farias, que já foi um militante do Partido Comunista Brasileiro e hoje é um conservador, afirmou que o maior medo da esquerda é que a direita comece a fazer manifestações exibindo faixas a favor da democracia.

"Se a direita organizar uma manifestação com bandeiras do Brasil e faixas dizendo em favor da democracia, pela democracia, queremos democracia... A esquerda morre", disse Hélio.

"Os esquerdistas morrem de medo dessa possibilidade. Eles têm pavor que isso aconteça, porque eles vão ficar completamente sem discurso", explicou.

O historiador afirmou que a direita pode liquidar todos os discursos esquerdistas com bastante facilidade.

"Se a direita exibir faixas com as palavras 'diga não ao racismo', 'queremos paz, chega de violência', 'contra o comunismo, contra o fascismo e contra o nazismo', a esquerda perde definitivamente a guerra de narrativas", explicou Hélio.

O historiador revelou que se a direita exibir essas faixas, não apenas a esquerda será derrotada, mas também a mídia.

"Eu militei durante 23 anos pelo comunismo, sei que primeiro a esquerda vai falar que a direita está mentindo. Mas se a direita exibir essas faixas em todas as suas manifestações, nem esquerda nem mídia vão ter o que dizer contra a direita", finalizou.
Título, Imagem e Texto: Wilson Oliveira, O Congressista, 11-6-2020

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-