segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

"Estou bonita?"


Domingo, ontem, 22 de janeiro de 2012, sol enfeitando o céu, as árvores e o solo…
Massamá começa a acordar e a levantar-se. Passeio com o meu amigo, vejo famílias sentadas nos cafés tomando uma meia-de-leite e comendo tostas com manteiga… O Pingo doce aberto com a mesmíssima afluência de sempre… Os maquinistas da CP não estão em greve, portanto vejo o comboio passar, para Sintra, sei disso porque já gravei quais os sentidos de um e de outro destino…
E vou pensando… estamos em janeiro, quase no final de janeiro, e já com um mês de inverno, o sol não quer abandonar a região… era essa a imagem que eu tinha do inverno lisboeta. O inverno de 2010, que choveu o que não chovia há mais de 100 anos não foi o inverno que eu trago na lembrança…
Portugal, ao que parece, ainda não acabou, contrariando as “sinceras” preocupações e vaticínios das cassandras lusas e de outros fantasiados “comentadores”… Mas devemos continuar muito alertas, não só porque ainda é cedo para descontrações ou repousos mas, sobretudo, sobretudo mesmo, porque as cassandras e carpideiras tudo farão, por cima ou por baixo da mesa, para que nada dê certo! Vale tudo para nos desviar a atenção ou para nos envenenar contra este ou aquele… Vá por mim, essa malta não é bem-intencionada!
E lá ia eu papeando com os meus botões, quando, de repente, uma senhora, negra, que passava por mim, para e me saúda “Bom-dia!”. 
“Bom-dia”.
“Estou bonita?”
“Sim, está”, respondi.
A senhora, de calças pretas e uma blusa preta com listas horizontais verdes prosseguiu a sua caminhada para a igreja. 
E eu, surpreso, quero dizer, meio que emocionado, constatava que ainda há gente, muita gente bonita neste mundão.

Massamá, 22-01-2012, fotos: JP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-