sábado, 18 de janeiro de 2020

FC PORTO: eficácia minhota em desaire caseiro

FC Porto perdeu em casa frente ao SC Braga por 2-1, na 17ª jornada do campeonato

O FC Porto sofreu a primeira derrota em casa para as competições nacionais, frente ao SC Braga. Fransérgio e Paulinho fizeram os golos minhotos e o tento de Tiquinho Soares não foi suficiente para os portistas, que desperdiçaram duas grandes penalidades e viram o adversário ser eficaz.

Foto: Octavio Passos/Global Imagens
Os bracarenses foram mais felizes no início do encontro, já que chegaram à vantagem na primeira grande ocasião de golo da partida. Aos cinco minutos, na sequência de um canto do lado esquerdo do ataque, a bola sobrou para Fransérgio, que rematou à entrada da área. Os jogadores do FC Porto ficaram a pedir fora de jogo de Raúl Silva na pequena área, mas Carlos Xistra, depois de visualizar as imagens no videoárbitro validou o golo.

A resposta dos azuis e brancos foi pronta e, num minuto apenas, a equipa de Sérgio Conceição dispôs de duas excelentes oportunidades. Primeiro foi Manafá, que depois de um slalom pelo meio-campo do SC Braga, atirou à baliza de Matheus, mas o remate foi desviado por um defesa (11m). No seguimento do canto, foi o guardião dos minhotos a negar o golo à cabeça de Marcano.

Aos 41 minutos Raúl Silva derrubou Tecatito Corona dentro de área e Carlos Xistra assinalou grande penalidade a favor dos portistas. No entanto, Matheus, com a ponta do pé, conseguiu defender o remate de Alex Telles da marca dos onze metros. Esteve melhor na primeira parte o FC Porto, mas foi o SC Braga que chegou em vantagem ao intervalo.

No segundo tempo voltou a entrar forte o FC Porto e aos 56 minutos voltou a dispor de uma grande penalidade, desta feita por falta de David Carmo sobre Otávio. Só que a sorte não estava do lado dos portistas e Soares acertou no poste. O mesmo Soares, contudo, conseguiu empatar a partida dois minutos depois, na sequência de uma arrancada de Marega, que entrou na área bracarense e serviu o brasileiro.

Só que aos 75 minutos, novamente na sequência de um canto, Paulinho marcou o golo da vitória dos minhotos, que beneficiaram da eficácia que tiveram no Estádio do Dragão.
Título e Texto: FC Porto, 17-1-2020, 21h41

           SL Benfica          48
           FC Porto            41
           FC Famalicão     30
           Sporting CP        29
           SC Braga            27
           Vitória SC          22
           Rio Ave FC        22
           Gil Vicente FC   21
           Boavista FC       19
10º         CD Tondela       19
11º         Marítimo M.      19
12º         Vitória FC          19
13º         Moreirense FC  17
14º         Santa Clara        17
15º         FC P. Ferreira    15
16º         Belenenses        15
17º         Portimonense    14
18º         CD Aves            6

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-