terça-feira, 11 de setembro de 2018

[Versos de través] Lady Maria

Denise Ribeiro


Dos filhos que um dia eu ainda tão filha fiz...
Dos hoje meus velhos filhos que um dia me fizeram...
Dos tantos filhos de outros que não fiz, mas acolhi em meus braços maternos....
Ah! Esses meus braços tão aparentemente fortes e eternos...
Só me sobrou um animal... ELA, a minha cadela.

Dos olhos que, nos palcos, me cobiçaram e quiseram.
Dos homens que amei, me dei e nada me deram
Dos muitos amigos que pensei ter
E que ao calar dos violões, festas e serestas...
Assistiram quietos à queda e nada fizeram...
Só me sobrou um Animal, "Ela" a minha cadela.

De tudo, enfim....
No fim do show, no apagar das luzes...
No final do túnel, do turno, da turma...
Do jogo, do luto, da luta da vida...
Me sobrou esta amiga de "fato"
Eu, Meu Animal e ELA... A minha cadela.

Que do alto de sua nobre fidelidade canina
Me acolhe as solidões e me nina...
Em canções de latidos fáceis...
Patas, lambidas e olhares dóceis... Tão menina!
Sim, ELA... A minha cadela!

Que com a pureza de seus sentimentos
A delicadeza atrapalhada de seus movimentos...
Acalma e domestica
A dor desse verdadeiro animal
Que criado a mágoa e ódio
Hoje insistentemente habita
Ave! Animal bendita
ELA, minha Cadela.

Minha Lady, minha filha, meu tudo na vida...
Salve você, minha Cinderela,
Coisa mais bela da minha vida.

Título e Texto: Denise Ribeiro

Anteriores:

3 comentários:

  1. Denise, belos Versos. Ainda bem que tens Ela, sua Cadela Lady, em sua última frase, eu diria “ Uma das coisas mais belas de minha vida” , pois deves ter tido outras também. Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Uma das coisas mais belas de minha(s) vida (s)"

      Excluir
    2. Que belas palavras!
      Adorei a ideia, mas a Lady É a melhor coisa da minha vida!!! ����❤️��
      Denise

      Excluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-