sábado, 31 de outubro de 2020

Resumo da semana: a militância esquerdista da imprensa foi escancarada

“Imagine, só para exercício de reflexão, por um segundo, como é que seria a manchete e a repercussão na mídia, caso um apoiador de Trump, ou Bolsonaro, tivesse matado uma mulher negra muçulmana, ou baiana? Essa simples suposição já é suficiente para a gente escancarar esse viés e esse esforço midiático em aparar as arestas quando os fatos não corroboram a narrativa ideológica…”

Rodrigo Constantino, 30-10-2020 

Relacionados:
[Diário de uma caminhada] Divinos boçais: revolte-se contra a violência mental esquerdista. CHEGA!
O autoritarismo escancarado invade Paris
LIVE com o presidente Bolsonaro, 29 de outubro
Dois países
Brasileira é uma das vítimas do ataque em igreja de Nice
Duas igrejas
“Fake Brazil” explica a luta contra o fascismo imaginário
Argentina não quer esquerda nem com pretexto do coronavírus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-