domingo, 25 de outubro de 2020

[Pernoitar, comer e beber fora] Gazela: parada obrigatória lá na Batalha

Neste mês de outubro estivemos na segunda unidade. Sempre com fila, piorou depois do vírus chinês... mas os cachorrinhos continuam firmes, o chopp da SuperBock geladinho... embora desta vez eu tenha pedido uma garrafinha de tinto. 


Atenção para quem não gosta de piri-piri, peça ‘sem picante’.
 

Desta feita, o atendimento deixou a desejar: vieram logo as fritas, depois os cachorrinhos. Mas os ‘filhotes’ destes demoraram, demoraram… esquecimentos acontecem, né?  

⭐⭐⭐⭐⭐

Ah, dica: fecha ao domingo. 

Fotos: Hilda Torres


Anteriores:

Os cachorrinhos da Gazela
Hotel Mercure Porto Centro: O vírus chinês como desculpa
O Caranguejo: Gastronomia caprichada ao som do trânsito de Copacabana
Poncha da Madeira
Churrasqueira Povoense: as batatas, ponto forte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-