segunda-feira, 2 de maio de 2022

Título de eleitor: prazo para regularização e emissão acaba na quarta-feira

A solicitação dos serviços tem de ser feita no portal do TSE


Aqueles que desejam votar nas eleições deste ano têm até quarta-feira, 4, para emitir ou regularizar o título de eleitor. A solicitação dos serviços deve ser feita no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo o TSE, a mesma data também é o prazo final para a transferência do domicílio eleitoral — mudança do município onde a pessoa vota, ou inclusão do nome social no título de eleitor, no caso de pessoas transexuais ou travestis. Depois dessa data, não serão permitidas mudanças no documento nas eleições de 2022.

Emissão do título de eleitor

Para emitir o título, é necessário digitalizar os documentos obrigatórios:

·         RG, frente e verso;

·         comprovante de residência recente (pode ser uma conta de energia ou de água);

·         comprovante de quitação do serviço militar (para homens a partir de 18 anos);

Uma vez com os documentos digitalizados, basta acessar o site do Título Net, informar o Estado onde mora, selecionar a opção “não tenho título de eleitor” e pôr os dados pessoais solicitados: nome completo, data de nascimento e nome dos pais. Em seguida, insira os documentos digitalizados.

Para acompanhar a solicitação acesse a página “acompanhe seu requerimento”.

Regularização

A regularização do título pode ser feita pela internet na aba “situação eleitoral”. Quem está com as votações em dia, justificou ausências, atendeu às convocações da Justiça Eleitoral e pagou as multas pode votar normalmente.

Título e Texto: Redação, Revista Oeste, 2-5-2022, 16h47

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-