quarta-feira, 14 de setembro de 2016

[Minha Pátria é a Língua Portuguesa] Qual é a maior palavra?

Qual é a maior palavra da língua portuguesa?


Anteriores:

9 comentários:

  1. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiotico existe nos dicionários de língua portuguesa mas foi criada como termo médico, para doenças pulmonares causadas por vulcões.

    "Anticonstitucionalissimamente" esta é legitimamente portuguesa com 29 letras

    ResponderExcluir
  2. A maior palavra da língua portuguesa possui 46 letras e ganhou registro definitivo em 2001, quando apareceu no dicionário Houaiss. Estamos falando de pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico. Antes, o título pertencia ao advérbio "anticonstitucionalissimamente", que tem 29 letras e descreve algo que é feito contra a constituição. O vice era "oftalmotorrinolaringologista", com 28 letras, que se refere ao especialista nas doenças dos olhos, ouvidos, nariz e garganta.

    O Houaiss é o campeão de palavras na língua portuguesa, mas não traz, por exemplo, palavras da química que têm dezenas de sílabas, usadas para definir compostos. Uma delas é "tetrabromometacresolsulfonoftaleína", que tem 35 letras e indica um corante usado em reações. "Palavras como essa são muito específicas e só aparecem em glossários de terminologia química", diz o filólogo Mauro Villar, do Instituto Antônio Houaiss.

    Entenda cada parte desse vocábulo de 46 letras:

    Pnmeumoultramicroscópico
    Pneumo - Pulmão
    Ultra - Fora de
    Microscópico - Muito pequeno

    Silicovulcanoconiótico
    Sílico - Vem de silício, um elemento químico presente no magma vulcânico
    Vulcano - Vindo de um vulcão
    Coniótico - Vem de coniose, doença causada por inalação de pós em suspensão no ar

    Tudo isso junto...
    Pessoa que sofre de uma doença pulmonar, a pneumoconiose, causada pela aspiração de cinzas vulcânicas!
    http://www.soportugues.com.br/secoes/curiosidades/maiorpalavra.php

    ResponderExcluir
  3. NÃO VOU LUTAR POR GANHAR OU PERDER UMA PERGUNTA QUE CAUSA DEBATES.
    A palavra pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico é ficção científica.
    Everett criou um nome técnico científico duplicado, juntando estranhamente radicais GREGOS E LATINOS apenas para uma doença já específica:
    A SILICOSE que nada mais é que a pneumoconiose causada pela sílica cristalina que se deposita nos alvéolos pulmonares . Doença comum que afeta mineiros de minas de carvão muito confundida com tuberculose.
    Exemplo clássico do HIBRIDISMO criar palavras com radicais de línguas diferentes.
    SOCIO- LOGIA
    A palavra de 46 letras é composta por vários radicais de línguas diferentes. alem de palavras já criadas pelo hibridismo.
    FICO com a minha ANTICONSTITUCIONALISSIMAMENTE .

    ResponderExcluir
  4. A maior palavra em língua portuguesa é a recentemente criada:
    "Dilmaladravigaristacorruptainsanasociopataterroristaerepulsiva"

    João Sebastião Ribeiro

    ResponderExcluir
  5. CAFETINAPROSTITUTAMIXETEIRAGALINHAVAGABUNDAPIRANHA 50 LETRAS

    ResponderExcluir
  6. Na Wikipédia:
    "A maior palavra da língua portuguesa registrada num dicionário é Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose com 44 letras, uma palavra que foi criada seguindo as regras gramaticais do português, a partir da junção de morfemas. Na verdade, essa criação em questão produziu uma amálgama de síndromes, ou seja, produziu uma palavra composta que duplica outra já existente.

    A palavra ganhou registro oficial pela primeira vez em 2001, no Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa Porém a palavra não nasceu em português. Foi criada por Everett M. Smith, presidente da National Puzzlers' League, para ser a mais longa palavra de língua inglesa. Foi transposta para a nossa língua linearmente, pois havia uma tradução correspondente para cada morfema. A palavra é um sinônimo analítico (que explicita suas partes) para silicose, um outro rótulo para uma doença pulmonar causada pela inalação de cinzas de erupções vulcânicas.

    A palavra de 29 letras anticonstitucionalissimamente é considerada a maior palavra portuguesa não técnica, e descreve algo que é efetuado de maneira muito anticonstitucional, ou seja, que é oposto à constituição.

    As maiores palavras técnicas registradas em dicionários são:

    (46 letras) Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiotico é quem sofre da doença Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose.

    (44 letras) Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose é a doença que é transmitida ao inspirar as cinzas causadas por uma erupção vulcânica.

    (29 letras) Anticonstitucionalissimamente é a quinta maior palavra da língua portuguesa. É um advérbio e descreve algo que é efectuado de maneira muito anticonstitucional, ou seja, que é oposto à constituição.

    (28 letras) Oftalmotorrinolaringologista é o especialista em doenças dos olhos, ouvidos, nariz e garganta, no entanto é uma palavra considerada obsoleta. É mais comum a palavra otorrinolaringologista (veja abaixo).

    (27 letras) Inconstitucionalissimamente é o advérbio de inconstitucional e designa o mais alto grau de inconstitucionalidade. É tida geralmente como a mais longa palavra de língua portuguesa pelo Guinness Book of Records.

    (25 letras) Constitucionalissimamente é o contrário de inconstitucionalissimamente.

    (22 letras) Esternocleidomastóideo, é um músculo localizado na região do pescoço.

    (22 letras) Otorrinolaringologista, é o médico que se ocupa dos ouvidos, garganta e nariz. Inconstitucionalíssimo (masculino) e Inconstitucionalíssima (feminino), adjetivo, singular, derivação de inconstitucional.

    ResponderExcluir
  7. Seja a de 46 ou 44 letras, creio ser difícil pronunciá-la de um só fôlego...

    ResponderExcluir
  8. Eu faço apenas uma observação.
    Não uso a WIKIPÉDIA.
    NEM PARA RESPONDER CHARADAS.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-