sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

Coronavírus: com ‘lockdown’, Portugal é o país que mais registrou mortes por milhão de habitantes em janeiro

Médica brasileira revela que a maioria de seus pacientes cumpria as medidas de isolamento

Artur Piva

No mundo, até o momento, Portugal é o país que registrou mais mortes de pacientes com o coronavírus por milhão de habitantes em janeiro. São 439 mortos a cada milhão apenas neste mês. Sem adotar as medidas extremas de isolamento do governo português, a Suécia teve 176 mortes na mesma faixa populacional.

Hospital Amadora-Sintra, foto: DR

Em entrevista à rádio França Internacional, a médica brasileira Nair do Amaral, que trabalha há três anos na linha de frente contra a covid-19 em Lisboa, capital portuguesa, contou que a maioria de seus pacientes são idosos que estavam seguindo as medidas de isolamento.

“O que eu vejo ao meu redor não são pessoas de mau comportamento, pessoas que não cumprem as medidas de prevenção”, afirmou. “O que nós vemos são pessoas de meia-idade e idosos mais frágeis, pessoas de idades muito avançadas – nonagenários, centenários e octagenários –, em sua massiva maioria com comorbidades. Existem alguns de meia-idade, entre 50 e 70 anos, mas são a minoria. Não tenho na minha vivência, e compartilho isso com colegas, pessoas que não cumpriram as medidas. Muitos estavam isolados, quietos em casa”.

Título e Texto: Artur Piva, revista Oeste, 29-1-2021, 11h10
Marcação: JP


Relacionados:
Aritmética contra a histeria em torno da covid-19 
A Cor do Dinheiro - comentário de 29 de janeiro 
Podemos falar sobre tratamento precoce? 
Germany says AstraZeneca COVID-19 vaccine isn’t for people 65 and older 
Portugal suspende voos de e para o Brasil 
Médicos chineses admitem que mentiram sobre a covid 
Covid-19: mortes batem recorde e Portugal pode ter ajuda internacional 
Governo é favorável à importação privada de vacinas, diz Bolsonaro 
Hotéis Rio realiza campanha #PartiuVacina 
Vacina da Pfizer causaria frustração nos brasileiros, diz ministério da Saúde 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-