sábado, 14 de maio de 2022

O campeão dos campeões

FC Porto venceu o Estoril (2-0) e bateu o recorde da Liga ao atingir os 91 pontos


Há um novo recordista de pontos no campeonato nacional. O FC Porto, campeão nacional de 2021/2022, chegou aos 91 pontos após bater o Estoril (2-0) e está agora no topo da história da principal prova nacional. Joãozinho (autogolo) e Fernando Andrade fizeram os golos na tarde de consagração dos azuis e brancos.

Cláudio Ramos estreou-se na Liga com a camisola do FC Porto, mas os primeiros 45 minutos do guardião no campeonato foram, na sua maioria, passados a ver um jogo de sentido único disputado no meio-campo adversário. Os Dragões, preferencialmente pela direita – mas com Zaidu a ter grande destaque por parte dos adeptos sempre que tocava na bola –, iam tentando desfeitear a muralha estorilista, que se mostrou um osso duro de roer durante todo o primeiro tempo. Muita bola, mas pouca baliza ditaram a manutenção do nulo ao intervalo, numa partida em que a Nação Porto que encheu o Dragão esperava ansiosamente por festejar.

As emoções fortes estavam guardadas para a segunda parte e não tardou a primeira ebulição da tarde. Aos 48 minutos, após uma recuperação alta de Pepe, a bola chegou rapidamente a Zaidu que, à esquerda, cruzou tenso e Joãozinho fez um autogolo. Estava aberto o marcador. Pouco após a hora de jogo, já com Francisco Conceição e Fábio Vieira em campo, as oportunidades claras de golo começaram a acumular-se.

Aos 63 minutos, Otávio cruzou no bico da área e Taremi cabeceou ao ângulo, mas na parte de fora. No instante que se seguiu, foi Francisco Conceição a intercetar a bola perto da área oponente e a rematar em jeito para uma grande intervenção de Thiago da Silva. Por fim, aos 67, após uma triangulação à direita, Fábio Vieira disparou ao primeiro poste, mas o guardião da equipa da Linha voltou a mostrar serviço. A cerca de 20 minutos do final, Cláudio Ramos teve a oportunidade de brilhar: após um cruzamento ao segundo poste, o guarda-redes portista voou para impedir o golo adversário para grande regozijo das bancadas.

Os últimos dez minutos tinham surpresas reservadas para os campeões nacionais. Sérgio Conceição lançou Rúben Semedo e Fernando Andrade para jogo e o avançado brasileiro, de primeira, três minutos depois, levou a mais uma ebulição do Dragão com a estreia a marcar na Liga. Houve ainda tempo de Francisco Meixedo somar os primeiros minutos na equipa principal e sagrar-se, também ele, campeão nacional. Assim ficou concluída a edição 2021/2022 do campeonato nacional com o FC Porto a somar mais três pontos e a atingir os 91, uma marca inédita na prova. São 40 anos a celebrar títulos, recordes e muitas vitórias.

Título e Texto: FC Porto, 14-5-2022, 19h59

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-