quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

XXI, Ter Opinião 2012


Recomendo aos meus compatriotas portugueses a leitura da revista “XXI, Ter Opinião 2012”, publicação anual da Fundação Francisco Manuel dos Santos. A revista tem 208 páginas e custa 5 euros.
Pretensiosamente, faço minhas as palavras do presidente da Fundação, António Barreto:
“Em Portugal, há pouco debate público. Talvez se fale muito, mas discute-se pouco. À discussão, falta frequentemente a informação e o conhecimento necessários à formação de uma opinião livre. É esta convicção que está na origem desta iniciativa. Com este anuário, pretendemos atrair escritores e leitores, amantes da liberdade e crentes na necessidade de fundamentar as suas opiniões. E interessados em conhecer as opiniões dos outros.”
Noutras palavras, num universo vazio de opiniões, mas cheio de “opiniões” que disfarçam a oposição, escondem a “torcida contra” e ejetam o veneno do rancor, está sendo muito  bom ler esta publicação. Ainda vou nos primeiros artigos mas já aprendi e apreendi bastante.
Alguns títulos:
> Como nos adaptar aos tempos difíceis;
> Como explicar o crescimento da dívida externa nacional desde 1966?
> Como os bancos ganharam e perderam o poder;
> A invenção da Europa;

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-