quinta-feira, 28 de abril de 2022

União Europeia declara fim da fase de emergência da covid-19

Ora, ora, direis… 😉

A decisão ocorre em meio a uma queda de mortes e infecções entre a população

União Europeia (UE) anunciou nesta quarta-feira, 27, o fim da fase de emergência da covid-19. A decisão ocorre em meio a uma queda expressiva do número de mortos e infectados, em virtude da imunização de mais de 70% da população adulta.

Apesar da iniciativa, Ursula von der Leyen [foto], presidente da Comissão Europeia, afirmou ser necessário que os 28 países membros do bloco permaneçam vigilantes. “Novas variantes podem surgir e se espalhar rapidamente”, disse, em nota.

A comissão prometeu ainda reforçar a vacinação antes de uma possível nova onda de casos em setembro, quando o outono se inicia na Europa e as temperaturas começam a cair. Até agora, menos de 15% das crianças entre 5 e 9 anos receberam imunizantes. 

“A pandemia de covid-19 não acabou e o vírus veio para ficar. Enquanto a situação da saúde está melhorando, devemos nos preparar para diferentes cenários e fazê-lo de forma coordenada”, defendeu Margaritis Schinas, vice-presidente da Comissão Europeia. “A vigilância e a preparação permanecem tão essenciais como sempre e devemos continuar nosso trabalho sem descanso.”

OMS mantém pandemia

A Organização Mundial da Saúde (OMS) é a única autoridade responsável por declarar o fim de uma pandemia. No dia 13 de abril, a agência anunciou que vai manter a covid-19 como uma emergência de saúde internacional. “Não é hora de baixar a guarda”, informou a organização, em comunicado oficial.

De acordo com o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, o Comitê de Emergência da organização recomendou manter o nível de alerta sobre a covid-19, visto que o vírus continua sendo transmitido intensamente e sua evolução é imprevisível.

O total de pessoas infectadas desde o início da pandemia, em março de 2020, sobe para pouco mais de 495 milhões, e o de mortes chega a 6 milhões. Na semana passada, a OMS enfatizou que as vacinas continuam sendo eficazes na prevenção da covid-19.

Título e Texto: Redação, Revista Oeste, 27-4-2022, 18h10 

Relacionados: 
Covid-19: ministro oficializa fim de emergência sanitária 
Rio revoga exigência de passaporte vacinal contra a covid-19 
Já só os doentes usam máscara

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-