terça-feira, 28 de agosto de 2012

O que é o serviço público da RTP?

Ricardo G. Francisco 
Escavando aqui encontrei a resposta que pode ser um autêntico ovo de Colombo:
O serviço público da RTP é dar emprego aos cerca de 1.500 funcionários da RTP!
Quem quiser receber a taxa de audiovisual vai ter de pagar os custos com os ditos 1.500 funcionários.
E custa hoje pouco mais de 200.000 Euros por ano por funcionário. O concessionário será mais eficiente e reduzirá este custo por funcionário talvez para metade. Por comparação com os "empregos verdes" é uma verdadeira pechincha. Pessoalmente trocava "energia renovável" de interesse público (leia-se subsídios à produção de energias caras) por "serviço público de televisão". Dinheiro atirado à rua por dinheiro atirado à rua, sempre era menos por "posto de trabalho".
Uma sugestão ao concessionário: Proponham pagar a cada um dos colaboradores o seu salário para ficarem em casa. Poupa-se o resto do dinheiro, o "serviço público" mantém-se e ainda temos os accionistas da SIC e TVI a baterem palmas. Todas as partes que verdadeiramente interessam ficam melhor.
PS: Só mesmo em Portugal é que se encontram mais factos em um artigo de opinião do que na generalidade das notícias sobre o mesmo assunto.
Título e Texto: Ricardo G. Francisco, O Insurgente, 28-8-2012

Falando neste assunto, quando decidirão calar esta cobra
Vejam como ele se expressa: 
Proposta de concessão da RTP é uma “pouca vergonha”. 
"Pouca vergonha" é ele mesmo, dá só uma olhada!

Foto: Daniel Rocha
Impressionante o envelhecimento deste país, dificilmente ele, o país, se desenvolverá, progredirá! Vai sempre ficar nesta modorra alimentada por sentimentos humanos os mais abjetos.
Ah, quando me referi a envelhecimento, não foi só a "cobra" que me inspirou. Também este, de Direita:

Fonte: Thomas Meyer / Global Imagens
Por que não vai descansar ou desfrutar do que acumulou ao longo da vida?
Só os Velhos são "ouvidos". Os jovens, estes, só se estiverem naquelas manifs, sem lenço, nem documento, instigadas e promovidas pela esquerdapontonet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-