sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Governo fará campanha de conscientização sobre vacina

Medida é considerada alternativa à obrigatoriedade de se imunizar contra o coronavírus 

Cristyian Costa 

Ministério da Saúde lançará em dezembro uma campanha de conscientização sobre vacinas contra a covid-19. O objetivo é tranquilizar os brasileiros. A medida é vista como alternativa à obrigatoriedade da imunização. 

Foto: Fundação Gates/Flickr

De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde, a pasta quer informar sobre o processo de produção e aprovação das vacinas. Ele ressalta que a campanha de dezembro será apenas a primeira etapa. A segunda ocorrerá assim que houver a definição do total de doses, datas de oferta e população a ser vacinada. 

“Esse ministério tem um compromisso sério com a população brasileira de só vacinarmos quando tivermos certeza de que estamos diante de uma vacina registrada com garantia de eficácia”, afirmou o secretário, em entrevista coletiva, na quinta-feira 19. 

Várias empresas farmacêuticas anunciaram a eficácia de seus imunizantes experimentais: PfizerOxford/AstraZeneca e Moderna. Além disso, o primeiro lote de 120 mil doses da CoronaVac (conhecida na internet como “vachina”) chegou ontem ao Brasil, conforme noticiou Oeste

Título e Texto: Cristyan Costa, revista Oeste, 20-11-2020, 8h51

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-