terça-feira, 12 de julho de 2022

Companhias cancelam mais de 25 mil voos previstos para agosto, 62% na Europa

Cancelamentos sistemáticos podem se tornar o 'novo normal' no continente europeu, segundo relatório

Dados da Cirium, empresa de análise do setor aéreo, revelam que as companhias aéreas já cancelaram mais de 25 mil voos previstos para agosto em todo o mundo. Deste total, 62%, em torno de 16 mil, são na Europa. O continente vive um verdadeiro caos aeroportuário por conta de greves, excesso de passageiros e falta de funcionários. A companhia brasileira Azul aparece na lista com pelo menos 2,1 mil cancelamentos previstos.

Conforme reportagem do jornal francês Le Figaro, os voos cancelados no continente correspondem a apenas 2% dos total programado para o período. O prejuízo estimado é de R$ 3 milhões de reais.

As empresas com maior número de cancelamentos na Europa são a Turkish Airlines, com 4,4 mil decolagens canceladas em agosto. Em seguida, estão British Airways (com 3,6 mil cancelamentos), EasyJet (2 mil), a Lufthansa (1,9 mil) e a Wizz Air (1,3 mil).

Fora da Europa, a brasileira Azul aparece com maior número de cancelamentos em agosto. Em seguida, aparecem a Korean Air, da Coreia do Sul, e a indiana IndiGod, ambas com cerca de 2 mil cancelamentos.

As companhias dos Estados Unidos e Canadá, conforme o relatório do Cirium, aparecem com 2,9 mil cancelamentos em agosto, sendo 1,8 mil somente pela United Airlines.

Na semana passada, Allianz Trade, uma das líderes do mercado mundial de seguros, inclusive para voos cancelados, publicou um relatório no qual afirma que os cancelamentos sistemáticos de voos podem se tornar “o novo normal” na Europa, já que as companhias aéreas se esforçam para proteger as margens em meio ao aumento dos preços do combustível de aviação, que subiu 89% no acumulado do ano.

O relatório diz ainda que com os salários representando 25% da receita (contra a média global de 19%), as companhias aéreas europeias têm pouco incentivo para resolver a escassez de pessoal no curto prazo.

Título e Texto: Redação, Revista Oeste, 12-7-2022, 12h20

Um comentário:

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-