segunda-feira, 9 de novembro de 2020

Avançado iraniano foi peça chave no triunfo dos dragões sobre o Portimonense

O FC Porto apanhou um susto no Dragão ao sofrer primeiro no duelo de domingo com o Portimonense, mas acabaria por dar a volta ao resultado, em boa parte graças à influência de Mehdi Taremi [foto], lançado em campo ainda na primeira parte. 

O avançado iraniano apontou o tento da reviravolta (2-1), logo no arranque do segundo tempo, naquele que foi também o primeiro golo oficial que marcou com a camisola azul e branca. 

Foto: Agência LUSA

Nas redes sociais, o ex-Rio Ave enalteceu o facto de ter recebido o prémio Mérito e Valores Porto, atribuído pelo clube, e falou numa "sensação indescritível": "Vitória merecida numa boa exibição coletiva! Sensação indescritível", escreveu Taremi. 

Veja o golo de Taremi ao Portimonense, na vitória do FC Porto por 3-1:

 O Jogo, 9-11-2020, 9h53 

Sérgio Oliveira fechou a vitória do FC Porto sobre o Portimonense (3-1) depois de assistir Mbemba e Mehdi Taremi

O FC Porto recebeu e bateu neste domingo o Portimonense (3-1), no Estádio do Dragão, regressando assim às vitórias no campeonato. Em jogo referente à sétima jornada, os campeões nacionais até estiveram a perder com um golo de Beto (14m), mas Sérgio Oliveira [foto] serviu Mbemba (45m+3) e Mehdi Taremi (46m) antes de fechar as contas do triunfo portista (89m). Com este resultado, o FC Porto passa a somar 13 pontos.

Foto: Fábio Poço/Global Imagens
Como já era de esperar, o FC Porto entrou em campo com a predisposição de assumir as despesas do jogo, mas na primeira vez em que chegou com perigo junto da baliza de Marchesín, o Portimonense ganhou vantagem no Estádio do Dragão. Anderson recuperou a bola no meio-campo, soltou para Moufi e este serviu Beto que, solto de marcação ao segundo poste, cabeceou a contar para o 1-0 favorável aos algarvios (14m). Obrigado a correr atrás do prejuízo, o FC Porto foi com tudo em busca do empate, mas foi preciso esperar pelo último lance da primeira parte.

Antes disso, o FC Porto foi apertando o cerco à área do Portimonense, mas encontrou uma verdadeira muralha amarela a erguer-se na frente de um inspirado Samuel. O guarda-redes algarvio negou o golo a Sérgio Oliveira (39m) e Mbemba (40m), além de ter visto Luis Díaz rematar à malha lateral por duas vezes (27m e 34m). Já com Mehdi Taremi em campo, os campeões nacionais tiveram finalmente motivos para festejar. Já em período de compensação da etapa inicial, Sérgio Oliveira bateu o canto e Mbemba subiu com tudo ao segundo poste para cabecear sem hipóteses para Samuel, estabelecendo o 1-1 com que o encontro chegou ao intervalo (45m+3).

Assim que António Nobre apitou para o início da segunda parte, o FC Porto demorou apenas 51 segundos até consumar a reviravolta no marcador. Numa jogada de insistência dos Dragões, Sérgio Oliveira cruzou com conta, peso e medida para a cabeça de Mehdi Taremi, que assim se estreou a marcar de azul e branco. Aos 66 minutos, Luis Díaz quase aumentou para 3-1, mas o avançado colombiano acabou por atrapalhar-se já em plena área algarvia. Pouco depois, Zaidu serviu Sérgio Oliveira e este amorteceu para o cabeceamento de Mehdi Taremi, mas o avançado iraniano atirou à figura de Samuel (71m), que brilharia mais à frente no encontro.

Mehdi Taremi combinou com Marega e o maliano deixou Sérgio Oliveira na cara de Samuel, mas o remate do capitão portista esbarrou no corpo do guarda-redes do Portimonense, gorando-se assim uma oportunidade flagrante para o FC Porto aumentar a vantagem (78m). Na resposta, naquele que foi o único lance de verdadeiro perigo criado pelos algarvios em toda a etapa complementar, Dener cabeceou ligeiramente ao lado na sequência de um canto (82m). Seria Sérgio Oliveira, o dono da braçadeira de capitão neste jogo, a colocar o carimbo que faltava na vitória dos Dragões: num contra-ataque rápido, Tecatito Corona ofereceu o 3-1 ao 27 portista e este não perdoou, juntando um golo às duas assistências que já tinha feito (89m). Vitória mais do que justa do FC Porto, que assim voltou a sorrir no campeonato.

FC Porto, 8-11-2020, 20h07

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-