segunda-feira, 7 de fevereiro de 2022

‘Vaquinha’ bloqueia doação de US$ 8 milhões destinados aos caminhoneiros do Canadá

Comboio pela Liberdade, porém, conseguiu arrecadar US$ 3,5 milhões em plataforma de doação cristã

Cristyan Costa

A plataforma de doações GoFundMe congelou US$ 8 milhões arrecadados em prol dos caminhoneiros do Canadá, que protestam contra a vacinação obrigatória no país. O bloqueio ocorreu na sexta-feira 4, por supostas violações da política de privacidade da empresa, ainda não esclarecidas.

“Depois de uma revisão de fatos relevantes e várias discussões com autoridades locais e autoridades da capital, Ottawa, esta campanha de arrecadação de fundos agora viola nossos Termos de Serviço”, informou a companhia. Conforme a GoFundMe, o dinheiro será devolvido aos doadores que solicitarem o reembolso em até duas semanas. O que sobrar vai para a caridade.

Apesar da decisão da plataforma, os caminhoneiros do Canadá conseguiram outra fonte de recursos. Hospedada na “vaquinha” on-line GiveSendGo, que se autodenomina “site cristão gratuito”, uma nova campanha de doação já obteve US$ 3,5 milhões, informou nesta segunda-feira, 7, o jornal The Washington Post.

Além de dinheiro, os caminhoneiros do Canadá estão recebendo ajuda da população da capital, Ottawa, como mantimentos e produtos de higiene básica. A Revista Oeste noticiou que o movimento contra a vacinação obrigatória já se estende por outras cidades do país.

Título e Texto: Cristyan Costa, revista Oeste, 7-2-2022, 17h45

Relacionados: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-