terça-feira, 10 de novembro de 2020

Opinião: Caldeirão do Huck-Moro

Apresentador de TV e ex-juiz da Lava Jato debatem sobre o tabuleiro eleitoral de 2022

Silvio Navarro 

Desde o fim de semana, quando o jornal Folha de S.Paulo revelou que o ex-ministro Sergio Moro e o apresentador de TV Luciano Huck [foto]iniciaram uma paquera, não se fala em outra coisa na imprensa — além da eleição norte-americana, claro.


Teria o ministro encontrado um caminho para voltar ao jogo político de 2022? Teria Luciano Huck encontrado o amparo de credibilidade que lhe falta rumo a 2022? E qual será o partido? Quem será o ministro da Justiça de Sergio Moro? Quem será o ministro das Comunicações de Huck? É o candidato do mainstream

Imediatamente — óbvio — surgiu a notícia de que o governador João Doria (PSDB) participa das conversas. 

Imediatamente, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), foi ouvido pela imprensa sobre o tema — sabe-se lá o motivo. 

Imediatamente, Ciro Gomes (PDT) foi consultado também e já lançou sua artilharia contra o ex-juiz da Lava-Jato. 

Analistas políticos escreveram se Moro-Huck ou Huck-Moro seria uma chapa de centro, progressista, de direita ou nenhuma das alternativas. 

O ex-deputado Roberto Freire (Cidadania), entusiasta da decolagem de Huck na política, correu para as redes sociais. O ex-presidente Lula foi ouvido pelos microfones da grande imprensa… 

Mas, na prática, o que representa de concreto essa notícia para o Brasil que carece de reformas urgentes — administrativa, tributária etc. — e da aprovação de projetos como o restabelecimento da prisão em segunda instância? Nada. Absolutamente, nada. É o chamado balão de ensaio político, cuja única função é manter os atores sob os holofotes da mídia. Algo como as centenas de manchetes “PMDB ameaça romper com o governo” dos anos Lula. 

Título e Texto: Silvio Navarro, revista Oeste, 10-11-2020, 12h

Relacionados:
DEM prefere Huck a Doria no Planalto, afirma Maia
Maia dispara contra Moro: ‘Extrema direita’

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-