domingo, 23 de janeiro de 2022

Com praias cheias, Operação Verão registra furtos, afogamento e maus tratos a uma criança

Operação com 232 guardas municipais nas Zonas Sul e Oeste e na Ilha do Governador

Larissa Ventura

A Guarda Municipal (GM-Rio) registrou neste sábado (22/1) diversas ocorrências envolvendo furtos, auxílio em afogamento e um flagrante de maus tratos a uma criança na orla e no interior dos bairros na Zona Sul durante as ações preventivas de patrulhamento da Operação Verão. Nos finais de semana (quinta a domingo) e feriados, a operação tem um reforço no emprego de efetivo, contando com 232 guardas municipais em ações de ordenamento urbano e de trânsito e também coerção a delitos, com foco na segurança dos banhistas, nas Zonas Sul e Oeste e na Ilha do Governador.

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

O caso de maus tratos a uma criança aconteceu em Ipanema, na altura do Posto 8. Guardas do Grupamento de Operações Especiais (GOE) receberam denúncia de banhistas de que um homem estaria maltratando uma criança no chuveirão da praia. Ao chegar ao local para verificar, os agentes encontraram o homem com uma menina de aproximadamente cinco anos, que ele afirmou ser sua filha. O homem estava visivelmente embriagado, sem condições de retornar em segurança para casa, que ele afirmou ser em Duque de Caxias. Além disso, ele não portava documentos e não tinha dinheiro suficiente para o transporte. Ele foi conduzido para a 14ª DP (Leblon), onde a ocorrência foi registrada.

Equipes do GOE também atuaram no apoio ao Corpo de Bombeiros em uma ocorrência de afogamento no Leme. Eles auxiliaram a equipe da ambulância a encontrar o local onde a vítima estava, próximo ao espelho d´água, e também apoiaram as primeiras medidas de salvamento até a condução para um hospital de referência. A vítima, um adolescente, conseguiu retirar dois turistas que estavam se afogando na água, mas depois não conseguiu sair do mar.

Já uma equipe do Grupamento de Cães de Guarda (GCG) atuou em apoio a uma dupla de PMs, que solicitou ajuda para conter um homem em surto psicótico na Rua Gustavo Sampaio, em Copacabana. Ele foi conduzido até o Instituto Philippe Pinel, em Botafogo.

A GM-Rio ainda registrou duas ocorrências de furto. A primeira aconteceu na madrugada do dia 22, próximo à base da Unidade de Ordem Pública (UOP) do Leblon. Um adolescente de 14 anos foi apreendido após flagrante de furto do telefone celular de uma motorista, enquanto ela estava parada no sinal da Rua Mário Ribeiro. Os agentes da UOP-Leblon conseguiram apreender o adolescente e o conduziram para a 14ª DP (Leblon), onde o caso foi registrado. O aparelho foi devolvido à vítima.

Já na tarde de sábado, as equipes da Coordenadoria de Atendimento ao Cidadão prenderam um homem de 38 anos após flagrante de furto de um cordão de ouro na Avenida Atlântica, em Copacabana. A vítima foi a atriz Guta Stresser. Após a ação, ela e pessoas que passavam pelo local deram o alerta e a equipe que passava no momento conseguiu deter o homem na areia da praia. Ele foi conduzido para a 13ª DP (Leblon), onde a ocorrência foi registrada. O cordão não foi encontrado.

Título e Texto: Larissa Ventura, Diário do Rio, 23-1-2022

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-