segunda-feira, 27 de dezembro de 2021

Sobre as 'vachinas', definitivo

@Fabricio_Rebelo

A defesa das vacinas pelo argumento de ‘infalibilidade' não tem valor dialético. Se vacinados adoecem, elas sempre foram para não agravar;

Se o caso é leve, foi graças a elas;

Se é grave, sem elas seria pior;

Se há morte, nenhuma delas é 100% eficaz.

Ou seja, nunca haverá erro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-