quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Brics reconhecem candidatura do Brasil ao Conselho de Segurança da ONU em 2022

Organismo é formado por 5 vagas permanentes e 10 rotativas 

Artur Piva 

Ontem, terça-feira 17, os países-membros do Brics, grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, reconheceram a candidatura brasileira para uma vaga rotativa no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) que pode ser ocupada em 2022 e 2023. “Reconhecemos a candidatura do Brasil como membro do Conselho de Segurança para o biênio 2022-2023”, informa a declaração conjunta da 12ª cúpula da entidade, realizada virtualmente. 

Foto: Marcos Corrêa/PR

Criado em 1946, como uma resposta à 2ª Guerra Mundial, o Conselho de Segurança da ONU é formado por cinco vagas permanentes (Estados Unidos, Rússia, China, Inglaterra e França) e dez rotativas (atualmente preenchidas por África do Sul, Alemanha, Bélgica, Estônia, Indonésia, Níger, República Dominicana, São Vicente e Granada, Tunísia e Vietnã). 

O Brasil se elegeu pela última vez em 2010 e desde então o país não apresentava uma nova candidatura.

Título e Texto: Artur Piva, revistaOeste, 18-11-2020, 12h25 

Relacionados:
Brasil deve sediar escritório da Organização Mundial do Turismo
Bolsonaro defende reformar organismos internacionais
NA AG da OMS, Portugal e França votam contra Israel, Brasil a favor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-