domingo, 27 de novembro de 2022

Passageiro faz necessidades fisiológicas a bordo, e avião da Azul, sem banheiro, precisa fazer pouso de emergência no Rio

Situação inusitada aconteceu no último sábado (26); aeronave saiu de Congonhas, em SP, com destino ao Aeroporto de Jacarepaguá, pousando antes do previsto

Uma situação no mínimo inusitada aconteceu no espaço aéreo entre São Paulo e Rio de Janeiro no último sábado (26/11). Um passageiro de um voo da Azul saído de Congonhas, na capital paulista, com destino ao Aeroporto de Jacarepaguá, na Zona Oeste carioca, acabou fazendo suas necessidades fisiológicas a bordo. Acontece que a aeronave, um Cessna C208 Grand Caravan [foto], não possui banheiros e, por isso, foi preciso uma espécie de ”pouso de emergência”. Toda a situação foi registrada pelo sistema de gravação de áudio do avião.

”Nós estamos com uma situação meio complicada aqui a bordo. Estamos com um passageiro com necessidades fisiológicas urgentes, não aguentou. Então, estamos fazendo um paliativo a bordo aqui. A gente não tem condições de prosseguir com todo o pessoal aqui e solicita a colaboração do controle para coordenar com Jacarepaguá a nossa descida em mais 10 minutos, direto ‘XOKIX’ [posição geográfica da rota] para ingressar direto na cabeceira 03, porque a situação a bordo está muito complicada”, relatou o piloto.

Procurada pelo DIÁRIO DO RIO para comentar o assunto, a Azul confirmou o ocorrido, destacando, contudo, não ter havido nenhum tipo de problema na aterrissagem.

”A Azul informa que, durante o voo AD 5121 CGH/RRJ, um cliente se sentiu mal e, por isso, foi pedido prioridade de pouso. O procedimento ocorreu normalmente sem intercorrências”, disse a companhia.

Título e Texto: Redação, Diário do Rio, 27-11-2022

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-