segunda-feira, 30 de julho de 2012

Liberdade australiana

Otacílio,
Na madrugada deste sábado, no Brasil, olhei o vídeo no ¨O cão que fuma¨, e vale aquela máxima, o regime cubano é tão bom que pessoas enfrentam tubarão a nado para sair daquele paraíso.
Baita abraço,
Moletta

Moletta, vejo que você ainda está acordado aí no Brasil.
Aqui o dia amanheceu e já estamos às oito e tantas da manhã. De um dia lindo e quente. Daqui prá pouco, como diz o nordestino, vamos arribar para Katherine onde ficaremos até segunda-feira. A família está reunida, incluindo o Zé Afonso e o Jeff com os seus. Sempre me sinto feliz nestas ocasiões. É sempre muito bom estar cercado por pessoas queridas e que nos querem.
Domingo pela manhã vamos até Tennant Creek visitar um amigo cliente que é parente da Naomi. Cria bodes e tem uma floresta de nim. Gosto muito desse cara. E adoro rodar pela Stuart Highway. Sempre que dirijo pela Stuart sinto uma sensação de liberdade e uma tranquilidade incrível. Veja como é. Observe como esta região aqui é bonita. Ampla, verdejante...
Viaja-se por centenas de quilômetros sem cruzar com um carro. Um road train de vez em quando ou algum viajante solitário. A Austrália é um deserto habitado por poucos que adoram viver sua solidão, eu costumo dizer. Veja um pouco da Stuart Highway:


No final deste vídeo você vai ver a entrada da minha querida Katherine, uma cidadezinha pela qual me apaixonei. Adoro pegar a Stuart Highway e ir até Alice Springs, 1.600 km adiante. Em Alice você está no coração do deserto australiano, magia pura, sentimento de integração à vida e à natureza onde respiro paz e tranquilidade.
Estou planejando uma viagem por toda a Austrália, pela costa. São mais de 24 mil quilômetros e não sabemos se será melhor de automóvel ou de barco. Zé quer ir de barco, Jeff de avião, eu de automóvel, pois faremos esta viagem juntos. Eu quero vencer esta parada. Querro ir de carro. Viajando de carro você conhece melhor cada lugar.
A TV Globo fez um documentário sobre o deserto australiano muito bom que está no You Tube. Veja aqui:


Um forte abraço, meu amigo,
Otacílio Guimarães

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-