domingo, 14 de março de 2021

[Atualidade em xeque] Ministro dos sonhos

José Manuel

Fantástico o nosso ministro da Economia. Ele conseguiu a magia de transformar o "fiquincasa" num novo new look, acrescentando algo mais, com uma frase importada da escola de Chicago tipo "lockdown-close all", sem ser minimamente incomodado, no cantinho dele e nem uma pedra sequer cair em seu telhado.

A pandemia atrai todas as pedradas enquanto o ministro vai inventando moda, lindo leve e solto.

Agora, além desse problemão pandêmico de não podermos sair de casa graças aos políticos "nouveau experts" em doenças epidêmicas, também nem em sonho podemos mais viajar ao exterior, mesmo aos países liberados, graças ao dólar-up--guedes que vai nos manter acorrentados às Netflix da hora como se fosse uma janela para o exterior, e sinta-se feliz por ter uma tela em sua casa.

Como se não bastassem as duas pragas, a chinesa e a do pequeno homem que calculava, tanto na estatura como no desempenho, ele ainda promove a terceira que é a de você manter acorrentado e com os pneus murchos na garagem seu outrora sonho de consumo, sem poder nem ligar a sua bela voiture, por que só em abrir a tampa do tanque, os eflúvios resultantes te custarão nos próximos dias, por volta de R$ 10,00 o cheirinho. Coisa de primeiro mundo, tipo preço da Noruega, entendeu?

Talvez a sua intenção seja a de preservar o seu bólido das péssimas condições asfálticas estrada/cidade, ou para preservá-las, pois também é um subproduto do petróleo. Quem sabe, está bem intencionado né?

Aos desavisados, câmbio, importação, exportação, petróleo, derivados e suas regulações de preços variáveis, estão sob o guarda-chuva do ministério da Economia.

O certo mesmo, é que graças ao nosso ministro gênio, poderemos no máximo viajar de elevador até à garagem, ter uma epifania olhando nosso lindinho e voltar para o apertamento, aí sim, livre completamente para transitar à vontade entre a cozinha, banheiro e quarto, isso se com sorte não for uma bela kitchenette com o pomposo nome de "residencial".

E por aí vamos vivendo neste país fantástico, de inovações em inovações cada vez mais boquiabertos com os prazeres mundanos e celestiais que nossos políticos nos presenteiam na maior cara de pau do universo.

Live and let die!

Título e Texto: José Manuel, 14-3-2021

Anteriores: 
Os cachaceiros do pé sujo 
Pandemia, concentração de renda e o sinal do Batman 
A Família Carreteiro 
Privatiza tudo? 
Prezados Variguianos 
Muito triste 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-