sexta-feira, 18 de junho de 2021

"Acabe por perceber"

Rui Rio [foto] participou esta semana nas Jornadas Parlamentares do PSD, realizadas em Portalegre, e mais uma vez sentiu-se na obrigação de justificar o seu estranho estilo de “oposição” ao governo de esquerda apoiado pela extrema-esquerda.

Disse, na essência, que anda “há anos a dizer o mesmo”, que “em dez milhões de portugueses não deve haver muita gente” com a sua “autoridade moral” e que ”o povo vai acabar por perceber” que foi o PS que “não aproveitou a oportunidade de ter um líder da oposição” como ele para “fazer as reformas de que o país precisa”.

Há nesta súmula uma obstinação maníaca, uma confissão de impotência e a vaga esperança de um dia, num futuro longínquo, talvez ainda neste século, alguém venha a entender este grande homem incompreendido.

Rio só ainda não percebeu uma coisa: que foi eleito para apresentar uma alternativa à esquerda, não para se entender com ela. Talvez também ele um dia “acabe por perceber”.

Título e Texto: Fra Diavolo, o Diabo, nº 2320, 18-6-2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-