quinta-feira, 15 de julho de 2021

[Viagens & Destinos] Museu do Mármore

Fica em Vila Viçosa.

Mármore: o ouro branco da região do Alentejo.

Foto: DR

A região de Borba, Estremoz e Vila Viçosa constituem o núcleo-base do Anticlinal de Estremoz, uma das mais antigas e produtivas superfícies de extração de rochas ornamentais em Portugal. As atividades relacionadas com este recurso mineral têm um grande peso na economia regional destes concelhos alentejanos e fomentam a empregabilidade da população local na indústria local, face a uma tradicional ligação ao sector agrícola. O nosso país é o segundo maior exportador mundial desta rocha ornamental, e até a Itália, o maior produtor, compra mármore de origem nacional.  Daí, a importância da certificação desta matéria-prima. Sensivelmente 90% do Mármore de Portugal é extraído em torno da região de Estremoz: o anticlinal de Estremoz. Esta rocha ornamental é extraída e utilizada há mais de dois mil anos, desde a época romana e islâmica.  O Templo Romano de Évora, a Mesquita de Córdoba ou o Palácio de Vila Viçosa são magníficos exemplos da utilização arquitetônica desta rocha ornamental.

O Alentejo é um território com vastas e reconhecidas potencialidades estratégicas, onde podemos incluir o turismo industrial e cultural. A Rota do Mármore do Anticlinal de Estremoz proporciona uma visita a lugares “invisíveis” que não estão acessíveis às massas turísticas. Trata-se, a meu ver, de um excelente exemplo da dinamização turística, cultural e económica da Indústria extrativa do Mármore e do interior de Portugal, designadamente na região do Alentejo. Nesta visita-guiada pelo núcleo de pedreiras de São Marcos, entre os concelhos de Vila Viçosa do Alandroal, o leitor poderá (re) viver a minha experiência fotográfica e saber um pouco mais sobre a excelência e qualidade do mármore do Anticlinal de Estremoz. Sabia que o “Ouro Branco” é extraído, transformado e exportado para todas as regiões do globo terrestre? Sabia que Portugal é um dos principais e maiores produtores de rochas ornamentais do mundo (Mármore e Granito), a seguir a Itália? Sabia que a residência oficial do antigo líder do Iraque Saddam Hussein tinha mármore alentejano? 😮

Leia mais »

O museu é pequeno, mas suficiente para se conhecer a história da extração de mármore em Portugal e outras finas particularidades e curiosidades.

A visita é guiada.

Gostei muito!💙💙

Fotos: Catarina Falé, junho 2021

Anteriores: 
Vila Viçosa
Dez lugares históricos para conhecer no Rio 
A cidade mais linda do Rio Grande do Sul 
Alandroal 
Juromenha 
"O São João, no Porto, é uma festa de cristianização em torno de um dos santos mais populares da cidade" 
Olivença pertence a Portugal, mas fica na Espanha 
Caminhos da História – Melgaço: Porta do Reino 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-