quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Vizinhos sofrem toda madrugada com barulho de supermercado em Copacabana

O Zona Sul da Avenida Copacabana junto à Sá Ferreira tem causado transtornos a seus vizinhos, todas as madrugadas, com o barulho dos caminhões que chegam com as mercadorias. O desrespeito à lei do silêncio revolta os moradores

Diário do Rio

Os vizinhos do supermercado Zona Sul da avenida Nossa Senhora de Copacabana 1200, entre as ruas Souza Lima e Sá Ferreira, têm andado com os olhos bem vermelhos. A região, grandemente habitada por idosos, tem sofrido com a carga e descarga dos caminhões do mercado praticamente todas as madrugadas.

Segundo informações de moradores, desde o mês de julho, as descargas de produtos no supermercado, por caminhões e carretas, tem ocorrido sempre entre as 23 horas e as 4 horas da manhã, o que não seria um problema se este trânsito de cargas não causasse barulhos ensurdecedores, bem depois das 22 horas, horário limite para a emissão de sons altos que possam causar incômodos à vizinhança.

“Contam com a ineficiência da fiscalização na madrugada“, disse Heloísa de Carvalho, 87 anos, vizinha do supermercado. “Fazem carga e descarga após as 22 horas todos os dias. Caminhões enormes chegam às 3 da manhã, e o barulho das rodinhas de rolimã transitando nas calçadas, das chapas de metal batendo e das mercadorias arrastando nas plataformas é ensurdecedor“, completa sua amiga Talita Chaves, que não quis revelar a idade.

Os moradores alegam que já fizeram diversas denúncias no 1746. Um deles, outro idoso, que preferiu não revelar seu nome, deu até um número de protocolo: 23713951-2. E apelou: “Não consigo dormir à noite, fico zumbi o dia todo“.

O gerente do supermercado é velho conhecido dos moradores. Wilson, como é conhecido, alegaria a todos que o supermercado gera empregos, e que está cumprindo a lei. Apesar disso, a placa de trânsito que estabelece as vagas de carga e descarga que está no local é clara: “carga e descarga, seg a sex, 10 às 16h e das 20 às 22h”.

Título e Texto: Redação, Diário do Rio, 29-9-2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-