quarta-feira, 10 de novembro de 2021

‘Cortina de Fumaça’, da Brasil Paralelo, derruba narrativa de que país é ‘vilão’ do clima

Versão internacional do documentário é lançada nesta quarta-feira, 10, e pode ser vista pelo YouTube

Redação Oeste

Em meio às discussões sobre o meio ambiente na 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP26), que começou no fim de outubro, em Glasgow (Escócia), a produtora de vídeos e documentários Brasil Paralelo está disponibilizando a versão internacional, em inglês, de Cortina de Fumaça, filme que apresenta um contraponto à narrativa difundida mundialmente de que o Brasil é o “vilão” da questão ambiental.

Lançada em junho deste ano, a versão original do documentário, em português, já tem mais de 1,8 milhão de visualizações no YouTube (clique aqui para assistir).

O filme mostra que a influência de líderes políticos como o presidente da França, Emmanuel Macron, teve papel preponderante para a disseminação do discurso de que a Amazônia, o meio ambiente e a população indígena estão sob ataque do governo brasileiro.

Imagens de queimadas e incêndios florestais em diversas partes do mundo foram compartilhadas por celebridades, por meio das redes sociais, como se fossem da floresta brasileira. Segundo a Brasil Paralelo, Cortina de Fumaça apresenta “uma visão inédita e destoante das narrativas enviesadas” sobre o tema, com qualidade impecável de produção.

O documentário trata dos desafios do Brasil na área ambiental — e o maior deles, ao contrário do que diz o senso comum, não é a preservação das florestas, mas a falta de saneamento básico adequado nas cidades. A enorme força econômica do agronegócio do país também é retratada, inclusive por meio de histórias contadas por alguns de seus protagonistas, como o agrônomo Alysson Paulinelli, indicado ao Prêmio Nobel da Paz.

Também são ouvidos no filme especialistas como o ex-ministro e ex-deputado Aldo Rebelo, que foi relator do Código Florestal, além de Roberto Rodrigues, Xico Graziano, Christian Lohbauer, Nicholas Vital e Damares Alves.

Título e Texto: Redação, revista OESTE, 10-11-2021, 10h20

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-