sábado, 15 de janeiro de 2022

[Pernoitar, comer e beber fora] Bibi Sucos, não tem erro

Salmão do Bibi

Como escrevi na primeira postagem sobre Bibi Sucos, entortei o nariz quando meu filho me “levou” ao Bibi Sucos, na Olegário Maciel.

“Orra, jantar numa lanchonete?!”

Desde então me tornei fã.

Foi o salmão que comi em Copacabana. Que repeti ‘by delivery’ por duas vezes. Na Barra, e em dezembro de 2021, em Copacabana. Ótimo! Sem pele nem espinhas, e sem gordura boiando ao cimo. Os acompanhamentos (arroz de brócolis e farofa de ovo) muito bons.

Foi o “picadinho carioca” que tracei na Praça de Alimentação do BarraShopping. Um dos melhores que já comi. Se contarmos com a banana, foi o melhor!

Impressionante o controle de qualidade em todas as unidades da rede. Não sei se franqueadas.

Aliás, o mesmo acontece com a rede Outback no Rio.

✫✫✫✫✫

Com certeza! Na “lanchonete” ou em casa.

Ah! Sobre a iFood: nossos santos não bateram.

Anteriores: 
Barraca da Chiquita fez 42 anos 
[Comer e beber fora] Bibi Sucos 
Premier Copacabana Hotel. 207 
Cinco lugares para comer feijoada no Rio de Janeiro 
Receitas com sabor a Natal: o bolo rei da Capuchinha do Rossio, Viseu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-