sábado, 4 de setembro de 2021

Carla Zambelli é intimada pela PF a depor antes de 7 de setembro

Determinação é do ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes

Afonso Marangoni

A deputada Carla Zambelli (PSL-SP) [foto] informou neste sábado, 4, que,  por ordem do ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes, foi intimada pela Polícia Federal a prestar depoimento nos autos de um inquérito da Corte.

Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Segundo a parlamentar, a determinação é que ela seja ouvida até amanhã, antes de 7 de setembro. “Mesmo sem ter acesso aos autos, em respeito a Polícia Federal e à Constituição, me farei presente”, informou.

Em carta aberta, Zambelli afirmou que “é certo que, para mim, o mar ficará agitado após essa oitiva, mas nada impedirá que eu mantenha minhas convicções e acredite naquilo que sempre defendi”.

Ela lembrou que, “sem quebrar qualquer vidraça”, as pessoas retiraram uma presidente da República do Palácio do Planalto, fazendo referência ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Carla Zambelli voltou a conclamar todos os seus amigos, eleitores e cidadãos brasileiros “a comparecerem às manifestações da Nova Independência com o propósito de pacificar o país, e uni-lo em prol da defesa da Constituição e das liberdades, sem qualquer ato de violência ou ataque a quem quer que seja”.

“Por fim, independente do que me acontecer, saibam que estarei orgulhosa de vocês, cantando o hino nacional e clamando pela Democracia”, finaliza.

Título e Texto: Afonso Marangoni, revista OESTE, 4-9-2021, 14h05

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-